Intimidade tem limite? | Namorada Criativa - Por Chaiene Morais
Sem categoria

Intimidade tem limite?

Nada como o tempo para criarmos intimidade, e será que ela tem limite? 

Depois de algum tempo no relacionamento a intimidade aumenta, coisas que não eram feitas na frente do parceiro passam a ser rotineiras. 

E o que você acha disso? Importa-se? Não se importa?

Seu parceiro ou parceira que mal comia na tua frente, agora além de comer dá aquele hiper arroto, e aí? 

Como agir? Finge que não ouviu/viu, xinga, dá risada, o que fazer?

Têm casais que lidam muito bem com isso e não se importam, rola até uma competiçãozinha de arrotos, que tal? hahaha

Necessidades que antes eram “sigilosas” passam a ser completamente normais, isso deveria mesmo acontecer? 

Ir no banheiro de porta aberta, soltar aquele pum debaixo das cobertas e prender o(a) parceiro(a), nada melhor (só que não).

Intimidade demais ou falta de educação? Como lidam ou lidariam nessas situações?

Particularmente acho essa intimidade totalmente desnecessária, tem coisas que podem ser evitadas, então porque não evitarmos? Ninguém tem a obrigação de sentir o odor do arroto, do pum, e muito menos se deparar com a cena de alguém naquele “momento”. Independente de ser do(a) parceiro(a) ou não. E se engana quem acha que essa intimidade excessiva parte somente dos homens, não mesmo! 

Tem por aí muitas mulheres que também fazem um mau uso da intimidade, algo totalmente desnecessário.

E percebo que o que muita gente diz é: se tu amas mesmo a pessoa não dá importância para isso. Ao meu ver totalmente sem noção essa fala, é fato que ninguém é perfeito, e que algum dia por incidente esses fatos possam acontecer. Todos temos qualidades e defeitos, e não é por isso que devemos sair fazendo essas coisas por aí. Claro que a falta ou a presença dessa intimidade não faz com que nenhum casal se ame mais ou menos.






Mais dicaspara você!
Calendários Personalizáveis com Foto para 2022
Planner digital 2022 para baixar
Jogo de tabuleiro para crianças