em Cartas, Histórias

Carta aberta para as que quebraram o coração dele

gh

Aposto que vocês, todas vocês, que já ficaram com ele pensam que esse tipo não liga para relacionamento. Que nenhum desses liga para relacionamento, que homem só pensa “naquilo” e não está disposto a entregar seu coração. Pois vocês conseguiram, graças as infinitas decepções, agora ele só pensa mesmo nisso. Ele só pensa em fugir, em sair rápido antes que algo ruim aconteça. Antes do “Eu te amo” chegar sem pedir licença.

Ele nunca foi grosso, nunca agiu errado, nunca se mostrou desinteressado, ele sempre foi um amor, mas todas as vezes que vocês tentavam invadir o território, ele se espantava e saía correndo como se vocês tivessem tocado em alguma ferida aberta. E aquilo doeu, doeu tanto que fez despertar lembranças que ele não queria reviver por medo. E agora? Agora vocês também precisavam sair correndo e esquecer aquela ferida que estava aberta e por causa do seu toque, ainda mais dolorosa. É de lei. Vocês simplesmente desistem dele porque ele não insistiu em vocês. Porque é o homem que deve insistir, não a mulher. A mulher tem que se fazer de difícil.

Vocês acham que ele não está cansado de ouvir tantos “não” quando se trata do coração? E eu tô falando de um não levado ao amor, tô falando de um pedido de entrega, daquela declaração linda feita com flores e chocolate e não de um pedido meia boca acompanhado por um “gatinha”. Estou falando daqueles pedidos feitos com brilhos nos olhos, com tremedeiras e meio sorrisos.

Vocês não tem ideia do que fizeram com ele né? Vocês acham que ele não sofre, que depois do fim já devia tá pronto pra outra. Vocês acham que ele também não é julgado? Ele precisa trancar seus sentimentos, pois se mantê-los soltos é capaz de chorar e bem sabe ele que homem não chora. Se ele chorar, vai ser tachado de mulherzinha. Se ele tentar ter uma conversa aberta sobre sentimentos com seu companheiro de trabalho, com certeza será tratado como um emotivo e surgiriam perguntas do tipo “Você é gay?”

Não, ele não é gay. Ele só está cansado de tentar ser forte. Tudo o que ele queria era um colo para deitar depois de um dia cansativo de trabalho. Ele queria alguém de verdade, sabe? Alguém em quem possa confiar, alguém para contar todos os seus segredos, alguém para chorar sem nenhuma vergonha. O mundo o ensinou a ser forte, a ser o que protege e cuida, mas me diga, quem cuidaria dele? Ele também precisa ser cuidado, também precisa de compreensão e insistência. Sabe se lá Deus o quanto ele já tentou procurar isso, mas agora já chega. Pra ele acabou.

Ele vai ser o que vocês juravam que ele era. Ele vai ser só mais um entre tantos, sendo que podia ser o único. Ele podia ser o que faria diferença na sua vida, podia ser aquele que te faria acreditar.

Algumas de vocês poderiam até fazer inveja em certas amigas, dizendo que encontrou o homem certo e que sua vida com ele já estava sendo planejada. Vocês agiriam como românticas incorrigíveis e pela primeira vez, enxergariam melhor e mais brilhantes as estrelas no céu, pois o que realmente brilhava era a negritude de seus olhos.

Mas quer saber? Obrigada por não insistirem. Se insistissem eu não o conheceria. Eu não saberia de todos os seus medos, eu não notaria ele andando sempre a um passo atrás de mim, como se estivesse se protegendo de uma encarada apaixonante. Eu não veria ele abaixar o olhar sempre que nos encontramos e cheio de vergonha, não o veria sorrir ao tentar mudar de assunto rapidamente. Como se estivesse fugindo de algo. Diferente de vocês, eu vou insistir. Por mais que ele também corra, não vou sair correndo. Vou ficar até ele me mandar ir embora. E quando ele mandar, vou desejar que alguém consiga fazê-lo ficar.

Deixe seu comentário

Comentários via Facebook

15 comentários

  1. Micaela em

    Lindo texto, mas a realidade não é tão linda. Ser dessa maneira não é bom, nem para o homem e nem para a mulher.
    Mas de qualquer forme, não desista mesmo!

    Responder
  2. Rubia em

    Tenho um namora a distancia e o pior que a gente nunca se viu. Mas o que a gente tem e verdadeiro. E a gente não saber mas o que fazer pra sustentar a distancia. Queria uns ideias pra gente pode manter ele ate um de nos dois poder viajar. Já que moro na Bahia e ele no Sul.

    Responder
    1. Kézia Martins em

      Acho que melhor ideia é ligar todos os dias, falar pela web cam, mandar cartas. Sabe? Pequenas coisas que fazem a pessoa sentir que você ainda está perto dela. Acho que essa coisa de “O amor só dura se tiver perto” não existe, o amor dura a partir do momento que os dois querem isso.

      Responder
  3. Ioanda em

    Lindo texto, enquanto lia pude relembrar a minha historia. Tenho apenas 15 anos e estou em um relacionamento sério, sou a 1° namorada dele e foi justamente o que aconteceu com ele, ele foi ignorado por todas mas eu insisti e consegui e jamais desistirei do meu Amor!

    Responder
  4. Julie em

    Amei as palavras, muito bom mesmo!

    Responder
  5. Lucas de Souza Alvez em

    Realmente vc entendeu como alguns homems ficam depois de tudo isso, embora eu não tenha mudado ainda, eu sinto como se todas as vezes que o para sempre acabou, que não foi só isso, que foi como se elas partissem levando uma parte do meu coração, e chega uma hora que vc vai se sentindo vazio, que nada se encaixa, eu ainda vou lutar muito por ela, a gente foi feliz juntos, mais a forma que acabou foi sem explicações ela mudou de um dia para o outro, mais de alguma forma sinto que ainda tem algo mais nisso, e não vou me importar de esperar nem que seja pela vida inteira, acho que o amor vai mostrar o caminho, e seu texto me fez acreditar um pouco mais nisso… Obrigado.

    Responder
  6. Ingrid Matos em

    Lindo o texto, amo os textos que são publicados aqui! Se puder postar mais (:

    Responder
    1. Kézia Martins em

      Obrigada linda <3 Com certeza irei posta :3

      Responder
  7. Bruna em

    Nossa cheguei a ficar impressionada , há cerca de 8 meses atras conheci o “meu par perfeito” sabe a pessoa que faz seu coração pulsar, faz você ficar feliz com qualquer palavra dita, mas quando o conheci tinha 15 dias que ele tinha terminado um relacionamento de 7 anos e disse pra mim que não queria namorar que queria se sentir querido, eu super entendi por que já passei isso, e eu estive ali, no “bom dia” “boa noite” “dorme bem” “até amanha”, e ele era do tipo seco não dava boa noite pra não se apegar e os dias foram passando e eu fui gostando mais e mais , eu até brincava com ele dizendo que eramos a bela e a fera mas não foi porque ele era aquele romântico que iludia com palavras essas coisa , pelo contrario faltava assunto entre nós , e ainda falta na maioria das vezes rs, mas a questão é que eu nunca desisti dele , oque me encanta nele é o jeito brincalhão ele tem mente de uma criança de 5 anos , no seu facebook compartilha coisas do tipo”torneio do cuspe ganha quem cuspir slá 30 centimetros” e isso me cativa , me faz acreditar , e ele um dia teve uma conversa comigo e disse um monte de coisas que dizia a real pra todas as meninas que ele ficava ai vejo no facebook algumas meninas postando frases dizendo-se apaixonada por ele , e ele continua não dando bola, acredito que dentro dele em algum lugar há um jardim florido , há um coração que um dia irá se apaixonar , mesmo que não seja por mim , mas que ele seja “liberto” desse sentimento ruim. E é isso rs

    Responder
    1. Jamy em

      eguaa adorei sua história. Acho que ela ja é apaixonado por você, só tem medo de expor

      Responder
  8. Beatriz em

    Comigo foi assim, da mesma forma, meu namorado, que so namorou uma unica vez, e a amava, viu seu namoro indo por agua abaixo quando ela disse que ia se mudar e nao queria ir adiante com um namoro que ela dizia ser em vão.. e hoje estamos juntos, mas antes construimos uma amizade, no qual ele me contou isso, e eu estava sofrendo tambem e ele me consolando.. hoje eu agradeço a ex dele por nao insistir, por que graças a ela eu tenho um namorado ótimo, presente e confidente, que me apoia em tudo e é presente mesmo quando não pode..
    o texto é simplesmente lindo, e é verdadeiro, homem quando se quebra uma vez, até consertar “os caquinhos” do coração demora..

    Responder
  9. Chloe em

    Belo texto!
    Meu ex-namorado sofreu uma decepção muito grande com seu grande amor… Conhecia ele há alguns anos, mas não eramos íntimos, quando finalmente ficamos amigos e nos conhecemos melhor, ele se interessou por mim… Eu amava outra pessoa e sofria por ela (era meu primeiro amor), e ele com todo o seu carinho e romantismo me fez esquecer essa pessoa… Começamos a namorar e pensei “encontrei o homem perfeito”… Ele tinha atitudes inacreditáveis, pois é extremamente amoroso, compreensivo e maduro… Mas de repente vi nosso relacionamento esfriar e ele terminou comigo, de imediato pensei que o problema fosse eu, pois ele é bem mais velho, sempre me julguei imatura pra ele. Até que descobri que ele ainda amava a sua ex, que ainda esperava por ela. Fiquei arrasada, mas não o culpo, ele nunca me tratou mal, nunca me fez promessas não cumpridas. Hoje somos amigos, nunca brigamos, nunca nos ofendemos. Acredito que ele ainda não a esqueceu, mas continuo esperando por ele. Insisto em estar por perto, ainda que seja como amiga. Tivemos as nossas recaídas, mas nada voltou a ser como era antes. Ele merece ser amado e cuidado, pena que não se abre pra isso, mas estarei la quando ele se deixar se achado, e se eu não for a pessoa a curar suas feridas, outra fará isso. O que quero é que ele seja feliz, comigo ou sem mim. Ele merece.

    Responder
  10. Maria Clara Alves em

    Há 6 meses eu terminei um relacionamento de 1 ano e 7 meses , não estava dando certo então eu achei que a melhor solução fosse terminar. Bom eu ACHEI que fosse mas não era, eu parti o coração dele , eu o magoei e eu quis ir atrás mas ai eu percebi que ele estava muito melhor sem mim do que comigo , as vezes partir o coração de quem você gosta é necessário para que ele fique melhor depois , não faz muito sentido mas é como dizem depois da tempestade vem o arco iris .

    Responder
  11. joy em

    Bom dia, Kézia. Conheço seu site a um tempo já, e usei uma dica sua uma vez para presentear. “namoro” há pouco mais de um ano, e quando digo “namoro” é porque nunca nos assumimos mas agimos como tal. Ele foi casado durante 6 anos, o término do casamento dele foi muito conturbado, ela era muito mandona e briguenta e não deixava ele fazer nada. Quando ele terminou, se tornou exatemente a pessoa do seu texto. Fechado, e que corre de algo mais sério. Eu amo ele, mas estou cansada de pedir carinho e atenção e ouvir “eu sou assim e não vou mudar”. Nossa ultima briga resultou no fim do relacionamento. Ele mudou muito nesse um ano juntos, ele demonstra mais, mas só quando estamos a sós. Parece que ele tem medo de se entregar de novo. Quis explicar e fazer ele entender que nao estava satisfeita com essas atitudes dele, que queria que ele tentasse ser mais carinhoso e atencioso, mas essas coisas não se cobra mesmo né. Ao ler seu texto fiquei na dúvida se devo insistir mesmo assim. Amo muito ele, e ele diz que me ama, mas o jeito dele é assim. Não sei mais o que fazer.

    Responder
  12. Anônimo em

    lindas dicas! Parece que alguém está começando a compreender o homem!

    Responder